5 características de excelentes digipais

5 características de excelentes digipais

Uma das perguntas que os pais normalmente podem fazer é: como educar meu filho na era digital? Temos que reconhecer que ser mãe ou pai na atualidade não é fácil, pois é bem comum se deparar com situações com as quais as gerações anteriores não os prepararam. Em algum momento, todos já devem ter improvisado,

Uma das perguntas que os pais normalmente podem fazer é: como educar meu filho na era digital? Temos que reconhecer que ser mãe ou pai na atualidade não é fácil, pois é bem comum se deparar com situações com as quais as gerações anteriores não os prepararam. Em algum momento, todos já devem ter improvisado,

Uma das perguntas que os pais normalmente podem fazer é: como educar meu filho na era digital? Temos que reconhecer que ser mãe ou pai na atualidade não é fácil, pois é bem comum se deparar com situações com as quais as gerações anteriores não os prepararam. Em algum momento, todos já devem ter improvisado, aprendendo a lidar com as situações colocadas pelo uso da tecnologia por parte de seus filhos, sem abrir mão do habitual recurso dos avós quando as coisas começam a se complicar.

Por isso, além de depender de ferramentas especializadas, alguns digipais ainda usam técnicas da velha escola, apelando para o lado humano, ao carácter e às vivências próprias, como faziam seus antepassados na hora de educar.

As características dos pais aplicadas à era digital

Compreendendo este desafio, preparamos este post que pretende destacar os principais valores de excelentes pais na era digital:

#1 Pais comunicativos

O diálogo é fundamental na relação com os filhos, mas ainda ao enfrentar possíveis problemas ou situações incômodas às quais uma criança pode se deparar na Internet. Por isso, é fundamental que seja gerada confiança suficiente para que possam comunicar qualquer incidente.

Como pai, é sua responsabilidade escutar as inquietudes dos filhos e tentar resolvê-las da melhor forma possível. Deixe que eles falem e expliquem, inclusive quando você não entender bem sobre o assunto. Ao final, quando necessário, use exemplos da vida real para que possam compreender uma solução.

#2 Pais compreensivos

Todos cometemos erros na juventude, a diferença é que agora esses erros podem ser difundidos e alcançar a muito mais gente que antes. Uma foto inapropriada postada fora do contexto ou um comentário inadequado publicado em uma rede social podem causar muitos danos.

Nestes casos, o melhor é entender a situação prévia que provocou o problema e fazer com que a criança veja onde errou. Isso não implica em necessariamente dar uma bronca: é melhor fazer com que entenda onde errou e apoiá-la, deixando claro que pode confiar em você outras situações no futuro.

#3 Pais participativos e companheiros

Os pais devem participar da vida digital dos filhos, embora seja fácil tentar evitar essas responsabilidades pondo a desculpa de que não entendem o que (exatamente) fazem todo o dia conectados. Essa atitude não beneficia a ninguém. O ideal é procurar saber com quem seus filhos falam, as páginas pelas quais navegam ou o que jogam.

É importante ter um cuidado especial para não parecer muito controlador, algo que seria negativo, mas mostrar um pouco de interesse pelo que os filhos gostam. Além disso, você também pode aprender jogando ou navegando com eles.

#4 Pais atentos e cuidadosos

É importante monitorar a própria privacidade e a dos filhos, porque se há algo que tem muito valor no mundo digital são os dados; principalmente os dos filhos. É muito importante ensiná-los a não compartilharem informações com qualquer pessoa.

#5 Pais, um exemplo a seguir

Embora muitas vezes não pareça, os filhos têm os pais como um exemplo a seguir. Quando você não faz um bom uso da tecnologia e da Internet, é bastante provável que eles também façam o mesmo e, possivelmente, se metam em problemas. É fundamental mostrar para eles a forma correta de usar as redes sociais e o email, como criar senhas seguras e administrá-las com gerenciadores especiais, mantendo sempre suas informações a salvo.

Esperamos que estas dicas possam te ajudar a ser um excelente digipai. Lembre-se que sempre que estaremos ao seu lado com dicas e ferramentas que permitam que tanto você como seus filhos possam aproveitar a Internet de forma segura.

Discussão