App Zello sofre incidente de segurança e solicita a todos os usuários que redefinam sua senha | WeLiveSecurity

App Zello sofre incidente de segurança e solicita a todos os usuários que redefinam sua senha

A empresa explica que descobriu atividades suspeitas em um de seus servidores e que pessoas não autorizadas podem ter acessado às informações pessoais dos usuários.

A empresa explica que descobriu atividades suspeitas em um de seus servidores e que pessoas não autorizadas podem ter acessado às informações pessoais dos usuários.

O Zello, o aplicativo de mensagens de voz que funciona como um walkie-talkie e que tem mais de 140 milhões de usuários, confirmou através de um comunicado, publicado na sexta-feira (08), que foram vítimas de um incidente de segurança após descobrir atividades suspeitas em um de seus servidores. O incidente pode ter resultado no acesso não autorizado de pessoas aos endereços de e-mail usados ​​pelos usuários do aplicativo para acessar suas contas e senhas com hash.

Embora, como a empresa explique no comunicado, não haja evidências de que qualquer conta dos usuários do app tenha sido acessada incorretamente, deve-se destacar que, para acessar a conta do Zello, é necessário, além da senha, contar com o nome de usuário, uma informação que não foi afetada pelo incidente. Apesar dos endereços de e-mail não terem sido impactados por essa possível invasão, os usuários dificilmente usam endereços de e-mail como nome de usuário, acrescentou a empresa.

Nesse contexto e como medida preventiva, o Zello está solicitando aos usuários que redefinam a senha que usam para acessar o aplicativo, bem como os serviços nos quais reutilizam a mesma chave – uma prática que não é recomendada do ponto de vista da segurança digital.

Além disso, os usuários que são clientes do Zello Work e Zello for First Responders não foram afetados por esse incidente.

Para obter mais informações sobre o incidente de segurança e como alterar a senha para acessar o Zello, confira o comunicado oficial da empresa e a seção de artigos relacionados.

Créditos da imagem: Soumil Kumar/Pexels

Newsletter

Discussão