O que você sabe sobre malware? Realize o teste!

O que você sabe sobre malware? Realize o teste!

Os códigos maliciosos são uma dor de cabeça para os usuários, mas também uma oportunidade de pesquisa. Realize o teste e demonstre o seu conhecimento sobre essas ameaças.

Os códigos maliciosos são uma dor de cabeça para os usuários, mas também uma oportunidade de pesquisa. Realize o teste e demonstre o seu conhecimento sobre essas ameaças.

No início deste mês, celebramos o primeiro Antimalware Day como homenagem ao nascimento do termo “vírus de computador” e as bases da pesquisa de malware, que surgiram de uma experiência universitária e abriram as portas para um novo ramo de estudos e desenvolvimento.

Na ESET, trabalhamos com muita paixão nessa área: pesquisamos e ajudamos a prevenir ameaças digitais.

Não é por acaso que a criação e promoção desta celebração do Antimalware Day, concebida para celebrar a importância da prevenção, ocorre neste ano tão particular, em que vários códigos maliciosos foram um divisor de águas e deixaram marcas que ficarão na história.

Assim foi o caso do WannaCryptor, que, em meados de maio, além de criptografar as informações de mais de 300 mil usuários, tornou possível pela primeira vez falar em todo o mundo sobre o ransomware e as formas de prevenção contra essa ameaça.

Muito menos podemos esquecer do Industroyer, um código malicioso capaz de causar prejuízos significativos aos grandes sistemas de energia elétrica. Como previmos no nosso relatório de tendências, este malware é apenas a primeira das várias ameaças que estão focadas em afetar as infraestruturas críticas das grandes cidades e países.

Além disso, continuamos vendo, como nos anos anteriores, uma grande quantidade de malware desenvolvido especialmente para dispositivos móveis. De fato, apenas no primeiro semestre deste ano, analisamos em média 300 novas variantes por mês de códigos maliciosos para dispositivos Android. E é importante destacar que este número continua crescendo.

Sabemos que existem muitos mitos e equívocos em relação a códigos maliciosos. No entanto, se você é um leitor regular da nossa página, já conhecer muito bem os diferentes tipos de malware que perseguem os usuários, como se comportam e, acima de tudo, como protegê-lo.

Desta vez, propomos um teste para verificar o quanto você conhece sobre os códigos maliciosos, que muitas vezes são uma dor de cabeça para usuários e administradores, mas também uma oportunidade de pesquisa para nossos analistas de malwares.

Discussão