Você busca trabalho? Aprenda como melhorar sua imagem nas redes sociais

Você busca trabalho? Aprenda como melhorar sua imagem nas redes sociais

Estar presente nas redes sociais e cuidar dessa presença já é praticamente uma necessidade para todos, sobretudo para os mais jovens quando terminam a graduação e chega o momento de buscar um trabalho. Como parte de sua trajetória profissional, reserve um momento para pensar sobre o assunto. Pertencendo a geração que cresceu diante de equipamentos

Estar presente nas redes sociais e cuidar dessa presença já é praticamente uma necessidade para todos, sobretudo para os mais jovens quando terminam a graduação e chega o momento de buscar um trabalho. Como parte de sua trajetória profissional, reserve um momento para pensar sobre o assunto. Pertencendo a geração que cresceu diante de equipamentos

Estar presente nas redes sociais e cuidar dessa presença já é praticamente uma necessidade para todos, sobretudo para os mais jovens quando terminam a graduação e chega o momento de buscar um trabalho. Como parte de sua trajetória profissional, reserve um momento para pensar sobre o assunto.

Pertencendo a geração que cresceu diante de equipamentos informáticos e junto a Internet, sem dúvidas, você deve ser consciente de que qualquer informação pode vazar, tornando-se viral. No entanto, muitos de nós talvez consideramos que nossas ações não são tão notáveis para receber tanta atenção e, como consequência, não somos acostumados a censurar o que divulgamos. Entretanto, já que agora é possível que os potenciais empregadores ou instituições educativas estejam inspecionando sua existência online, é um bom momento para considerar o que podem encontrar quando comecem procurar sua informações na web.

Filtros e privacidade

Como uma mulher um tanto peculiar e franca que vive em uma cidade cheia de gente também peculiar e franca, sou a última pessoa que recomendaria atenuar a liberdade de expressão. Dito isso, é importante considerar seu público. Este seria um excelente momento para desenvolver uma presença pessoal e outra profissional (de forma separada) nas redes sociais, caso ainda não tenha pensado nisso. Há diversas formas, seja por meio da configuração de filtros por grupos ou de perfis separados no caso dessa opção estar disponível.

É um pouco complicado entrar em detalhes sobre o que é conveniente usar e para que propósito, já que as tendências e as configurações de sites específicos costumam mudar como o vento. Apesar que a ideia geral continua sendo a mesma: seus perfis profissionais devem estar focados em suas conquistas e interesses afins e, em líneas gerais, o conteúdo deve ser selecionado com mais cuidado.

Por outro lado, sua conta pessoal pode exibir sua personalidade de forma mais plena; mas sempre é bom lembrar que não existe o anonimato total na web. A menos que você se sinta à vontade explicando suas publicações para seus avós ou para o seu chefe, é interessante ter atenção sobre o que publicar na Internet. A melhor maneira de evitar ter que concertar problemas relacionados as mídias sociais é não provocá-los.

A seguir, incluo sugestões para que você aprenda a ver o que os potenciais empregadores podem chegar a ver, em três áreas que costumam buscar quando estão te procurando:

  1. Ferramentas de busca

O primeiro lugar em que os empregadores costumam procurar informação é por meio das principais ferramentas de busca, como o Google ou o Bing. Assegure-se de fazer o mesmo: busque pelo menos seu nome e seus emails e preste atenção especialmente nos links das duas ou três primeiras páginas dos resultados. Não esqueça de ver os resultados das buscas em imagens; isso pode ser bastante surpreendente e, às vezes, revelador.

Caso encontre algum resultado que não quer que os potenciais empregadores vejam, comece conversando com o dono do site. Caso o resultado ofensivo não seja excluído, você pode obter ajuda diretamente por meio das ferramentas de busca ou usar outras técnicas para que o resultado seja eliminado. Mesmo que não consiga, ao menos você terá a possibilidade de enterrá-lo ao final dos resultados de busca (incrementando a quantidade de resultados positivos sobre você).

Abine, os criadores da ferramenta DoNotTrackMe, publicaram instruções detalhadas sobre como é possível conseguir ajuda nos casos em que o dono do site não responda. Os leitores na Europa contam com um recurso adicional contra os links difamatórios como consequência da recente lei: “Direito ao esquecimento”.

  1. Sites de redes sociais

A primeira coisa que você deve fazer com os perfis das redes sociais é ajustar a configuração da privacidade. Com certeza é seu desejo ter uma parte do seu perfil visível, onde possa exibir suas conquistas e aptidões profissionais. Muito além do que faça por meio de um site da rede profissional como o LinkedIn ou com um perfil em um site mais geral como o Facebook, Google+ ou Twitter, tudo depende de uma série de fatores, incluindo os setores no qual possa buscar emprego.

Alguns setores talvez tenham mais expectativas com relação a sua presença em um ou outro site. Para isso, sua rede de contatos com pessoas da área pode te ajudar a reconhecer por qual caminho deve seguir. Uma vez mais, não esqueça de ter cuidado com as redes de imagens e vídeos, onde possa compartilhar algo não desejado.

Se você escolhe sites de conteúdo mais gerais e os usa tanto com propósito profissional como pessoal, precisará tomar mais precauções. É importante configurar permissões individuais e grupais para suas publicações, mas também é fundamental verificar a configuração de privacidade das publicações de seus amigos, nas quais esteja etiquetado. Apenas uma publicação indevida pode desfazer todo o trabalho de construção de sua imagem online.

O Facebook, em particular, permite ver o que um amigo pode visualizar em seu perfil; é uma boa ideia controlá-lo por meio da criação de diferentes grupos periodicamente (Quando este texto foi escrito, a funcionalidade se encontrava na seção Configurações e ferramentas de privacidade: Quem pode ver suas publicações futuras?)

  1. Comentários online, em grupos de notícias e em fóruns

Uma área que muitas pessoas se esquecem de ter em conta quando limpam sua presença digital tem a ver com os comentários que deixam em diversos lugares da web. Se seu nome ou email estão associados com comentários em qualquer tipo de site de acesso público, incluindo grupos de notícias e fóruns, é fundamental verificar se há algo visível que possa te desprestigiar (por exemplo, aquele comentário extremo que você disse naquela vez que publicou uma queixa a altas horas da noite).

Apagar comentários ou publicações não desejadas pode resultar mais difícil que excluir links de uma ferramenta de busca, mas a ideia continua sendo a mesma: primeiro entre em contato com o dono do site e, se não funcionar, prepare-se para iniciar ações legais.

Destaque o positivo

A menos que fiquemos muito presos nos aspectos negativos de nossa presença online, também podemos criar impressões positivas nas áreas de interesse. Uma boa maneira de destacar-se diante de potenciais empregadores, quando se está imerso em um mar de candidatos qualificados, é assegurar-se de que sua presença online inclui uma grande quantidade de exemplos sobre suas habilidades e conhecimentos. Isso deve incluir sua própria descrição de suas habilidades, junto com recomendações, mas também é importante deixar que suas ações falem por si.

Assegure-se de que hajam muitos links disponíveis para as ferramentas de busca que ajudam a criar uma imagem profissional e favorável sobre você, incluindo publicações em blogs, tweets ou outras criações, junto com comentários em grupos de notícias ou fóruns de sua área. Desta forma, inclusive, caso tenha algum problema com sua imagem online, pode minimizá-lo mostrando aos demais os motivos que te levam a ser um potencial empregado.

Discussão