WhatsApp libera chamadas por vídeo

WhatsApp libera chamadas por vídeo

Não é mais um golpe, agora você realmente pode utilizar as tão esperadas videochamadas no seu WhatsApp. Desde o início desta semana, a empresa começou a liberar as novas chamadas por vídeo para todos os usuários. Segundo o Blog do aplicativo, durante os próximos dias, mais de um bilhão de usuários poderão utilizar o novo

Não é mais um golpe, agora você realmente pode utilizar as tão esperadas videochamadas no seu WhatsApp. Desde o início desta semana, a empresa começou a liberar as novas chamadas por vídeo para todos os usuários. Segundo o Blog do aplicativo, durante os próximos dias, mais de um bilhão de usuários poderão utilizar o novo

Não é mais um golpe, agora você realmente pode utilizar as tão esperadas videochamadas no seu WhatsApp. Desde o início desta semana, a empresa começou a liberar as novas chamadas por vídeo para todos os usuários.

Segundo o Blog do aplicativo, durante os próximos dias, mais de um bilhão de usuários poderão utilizar o novo recurso nas plataformas Android, iPhone e Windows Phone. No entanto, a novidade só poderá ser utilizada se o usuário e a outra pessoa (contato) estiverem com a última versão do aplicativo instalada no smartphone.

Novos recursos, mais atenção!

É excelente utilizar novos recursos e aproveitar a tecnologia, mas é sempre bom estar atento as ameaças que podem surgir. Principalmente considerando que vivemos em um tempo de grandes novidades relacionadas às tecnologias amplamente utilizadas, cibercriminosos custumam se aproveitar da curiosidade e da ansiedade dos usuários para propagarem seus golpes. Como por exemplo, esta nova notícia sobre as videochamadas pode ser uma grande oportunidade para os criminosos criarem “armadilhas”. Por isso, é fundamental ter cuidado redobrado para não tornar essa (excelente) novidade em uma péssima experiência, caindo em possíveis “golpes-br”.

Cassius Puodzius, investigador da ESET, destaca que agir com cautela é uma das principais dicas para estar protegido quando nos referimos ao uso de aplicativos, principalmente do WhatsApp, “procure conhecer a origem de possíveis mensagens desconhecidas, averigue o conteúdo e note se há algo suspeito (como links com URLs desconhecidas ou pedidos para compartilhar a mensagem com seus contatos). Caso suspeite de algo, peça para alguém com maior conhecimento técnico averiguar ou, se não for de grande importância, apenas exclua a mensagem”.

Para saber mais, leia também algumas dicas de segurança para proteger seu WhatsApp.

Discussão