Seus filhos sabem criar senhas seguras? Confira algumas regras!

Seus filhos sabem criar senhas seguras? Confira algumas regras!

Pelo fato de terem crescido antes da era da Internet e das redes sociais, os usuários adultos estão um pouco menos preocupados com os riscos que existem no mundo digital. Nesta perspectiva, as crianças de hoje são sortudas porque podem ter acesso as melhores práticas de segurança ao seu alcance, assim como a correta criação

Pelo fato de terem crescido antes da era da Internet e das redes sociais, os usuários adultos estão um pouco menos preocupados com os riscos que existem no mundo digital. Nesta perspectiva, as crianças de hoje são sortudas porque podem ter acesso as melhores práticas de segurança ao seu alcance, assim como a correta criação

Pelo fato de terem crescido antes da era da Internet e das redes sociais, os usuários adultos estão um pouco menos preocupados com os riscos que existem no mundo digital. Nesta perspectiva, as crianças de hoje são sortudas porque podem ter acesso as melhores práticas de segurança ao seu alcance, assim como a correta criação e administração de senhas seguras.

Se você acha que seria bacana saber algumas dicas para converter-se em um pai ou mãe expert no assunto, confira nossos conselhos que podem ajudar aos seus filhos:

7 regras para que seus filhos tenham senhas seguras

  1. Crie uma senha única para cada conta e não as compartilhe com ninguém.
  2. Quanto mais extensa, mais segura será a sua senha. Comece com oito caracteres pelo menos, mas adicione mais se você quiser proteger dados de contas com informações muito sensíveis. Se é difícil lembrar de senhas complexas, opte por uma frase que faça sentido para você ou use um gerenciador de senhas.
  3. Evite palavras de dicionário (as mais comuns), nomes, datas e telefones, além das opções óbvias como 123456, password ou qwerty.
  4. Adicione números e caracteres especiais (como “@”, “#”, “!”) ou utilize-os como substitutos para algumas letras da senha.
  5. Se você escolher a opção de substituição, não utilize as mais comuns como substituir “a” por “@” ou “i” por “1” ou “!”.
  6. Altere suas senhas periodicamente. Como sempre destacamos: quanto mais importante seja a informação que você protege, mais curto deve ser o intervalo para mudar a senha.
  7. Uma das regras mais importantes é nunca reutilizar a mesma senha em diferentes contas. Desta forma, se sua senha for roubada ou filtrada, apenas uma conta seria afetada. Vale a pena relembrar sempre este ponto, pois é um dado fundamental com relação a gestão da senha segura.

Como você pode ver, a teoria é simples e está em suas mãos levá-la à prática. Muitas pesquisas mostram que alguns usuários têm dezenas de senhas para um número ainda maior de contas, o que pode tornar sua administração bem mais difícil. Para uma criança, isso seria ainda mais complicado, já que provavelmente possuem muitas contas.

E então, o que posso fazer nesta situação?

Existem estratégias para tornar as atividades online mais simples para as crianças, mantendo-as protegidas. A primeira pode ser ajudar aos pequenos na criação de senhas baseadas em frases, já que apesar de serem mais longas, possuem o grande benefício de serem fáceis de lembrar, ao tratar-se de algo original, significativo e pessoal. Ao mesmo tempo, serão difíceis de serem adivinhadas por um cibercriminoso, já que a combinação de palavras não é uma opção óbvia.

Este vídeo explica (em um minuto) os benefícios de criar senhas seguindo esta lógica:

Apenas garanta que seu filho não escolhas as opções óbvias, como frases e citações famosas de contos, livros ou filmes. O vídeo mostra um exemplo apenas de modo explicativo, no entanto, em sua casa você pode fazer o exercício de pensar em uma frase que tenha sentido a nível pessoal, considerando também as regras destacadas neste post.

Em paralelo a criação de senhas seguras está o uso de um gerenciador de senha, que permite armazená-las em um mesmo lugar e de forma protegida, sem a necessidade de lembrá-las individualmente. Você precisará apenas de um software desse tipo, criar sua própria base de senhas e estabelecer uma robusta senha mestre para acessar ao sistema.

De qual outra forma você protege suas senhas e a de seus filhos? Conte um pouco sobre a sua experiência nos comentários.

Discussão