Facebook dá as boas-vindas ao Tor e à Deep Web

Facebook dá as boas-vindas ao Tor e à Deep Web

O Facebook abriu suas portas para os usuários preocupados com a privacidade ao lançar um link dedicado para o navegador TOR. Isso garante que às pessoas que visitam essa rede social através de browsers anônimos não sejam confundidas com botnets, segundo o site Gizmodo. Esse é um passo muito importante para o projeto TOR, já

O Facebook abriu suas portas para os usuários preocupados com a privacidade ao lançar um link dedicado para o navegador TOR. Isso garante que às pessoas que visitam essa rede social através de browsers anônimos não sejam confundidas com botnets, segundo o site Gizmodo. Esse é um passo muito importante para o projeto TOR, já

Facebook-opens-dedicated-Tor-link-623x410

O Facebook abriu suas portas para os usuários preocupados com a privacidade ao lançar um link dedicado para o navegador TOR. Isso garante que às pessoas que visitam essa rede social através de browsers anônimos não sejam confundidas com botnets, segundo o site Gizmodo.

Esse é um passo muito importante para o projeto TOR, já que o Facebook é o primeiro site emissor de certificados a lançar um URL dedicado para usuários do TOR que conta com uma conexão certificada no browser.

O site The Next Web entra em mais detalhes sobre o mais novo link do TOR, explicando que “o endereço onion do Facebook (somente acessível através de browsers habilitados para a navegação na rede TOR) conecta os usuários ao seu núcleo de Infraestrutura web, o que gera uma comunicação direta entre o browser do usuário a um datacenter do Facebook, permitindo assim uma sessão segura e com privacidade. Um certificado SSL emitido pelo Facebook confirma a seus visitantes que eles estão acessando a página correta”.

Embora o Facebook já funcionasse antes com browsers TOR, quase sempre apresentava erros. O site The Verge explica que “Embora os usuários do TOR já acessassem o Facebook antes dessa novidade, muitas vezes o site não era carregado de forma correta, estava escrito com fontes estranhas ou às vezes nem mesmo era carregado, já que o sistema de segurança do Facebook interpretava o TOR como se fosse uma botnet – ou seja, uma rede de computadores tentando atacá-lo.”

Essa novidade chega depois de doze meses de trabalho de melhorias de privacidade e de segurança do Facebook. As boas-vindas do Facebook aos usuários da rede TOR dão continuidade a projetos como a mudança na política de “somente nomes reais”, a possibilidade de fazer o login anonimamente utilizando aplicativos de terceiros e a obrigação do uso do protocolo HTTPS para acessar o site.

O site The Verge destaca que, embora o TOR pode ser utilizado para evadir a censura dos governos em alguns países, essa novidade pode ajudar o Facebook a expandir-se em áreas que antes estavam bloqueadas.

 

antb / Shutterstock.com

Author Editor, ESET

Adaptação Ilya Lopes, ESET

Discussão